São José do Rio Claro (MT), 06 de abril de 2020 - 01:11

? ºC São José do Rio Claro - MT

Geral

Só Noticias 26/03/2020 23:56

Mato Grosso tem 11 casos de Coronavírus; secretaria retifica dados e aponta 385 suspeitos

O número de pessoas infectadas com o novo Coronavírus (Covid-19) em Mato Grosso aumentou. A nota informativa divulgada, há pouco, pela secretaria de Estado de Saúde subiu para 11 as constatações feitas em laboratórios credenciados. A quantidade de casos suspeitos é de 385. Inicialmente, a secretaria informou que este número era de casos descartados mas há pouco retificou o balanço.

Ontem, eram 9 casos e, de acordo com Centro de Operação em Emergência em Saúde Pública, os dois novos são em Cuiabá (sendo um homem, de 47 anos, e uma jovem, de 37 anos, respectivamente). A capital lidera o ranking com 8 casos confirmados. Na sequência, aparece Várzea Grande com 2 caso e, no interior, o único confirmado é de Nova Monte Verde (470 km de Sinop). Dos 8 infectados em Mato Grosso, dois estão internados.

Entre os infectados, o que tem maior idade é um homem de 50 anos e a mais jovem, de Várzea Grande, tem 26 anos. Cinco deles têm entre 31 e 38 anos. Dois têm 43 e 48.

Cuiabá tem 48 casos suspeitos e 24 descartados. Várzea Grande tem 27 suspeitos e 7 deram negativo. Em Rondonópolis 32 são suspeitos e 2 descartados.

O boletim atesta ainda que em Sinop são 33 suspeitos e 2 descartados.  Sorriso tem 10 suspeitos e um negativo.

Em Lucas do Rio Verde são 7 suspeitos e um negativo. Matupá tem 3 suspeitos. Os 3 deram negativos. Nova Mutum tem 2 suspeitos e 2 descartados. Em Alta Floresta são 8 suspeito e um descartados.

Campo Verde tem 33 suspeitos, Tangará da Serra 21, Primavera do Leste 12, Barra do Garças 9,

Apesar do aumento número de casos confirmados em Mato Grosso, a secretaria estadual de Saúde já conseguiu divulgar um número maior de resultados de exames em pessoas que não tem a doença. Na última segunda-feira feira, o secretário Gilberto Figueiredo anunciou que os resultados ganhariam mais agilidade já que dois laboratórios do setor privado foram credenciados pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Mato Grosso (LACEN).

“Os dois laboratórios foram credenciados para fazer os testes do Coronavirus. Com isso, não precisará fazer contraprova de casos positivos. Agora, a velocidade aumenta, mas ainda levará de 24 a 72 horas para analisar. Nem todas as coletas para fazer o exame chegam atendendo as normativas técnicas exigidas. Além disso, nem todos os casos serão testados. Somente aqueles que estão sendo monitorados”, explicou, anteriormente, Figueiredo.


Mega Notícias

Mega Notícias tem como objetivo primeiro o de Informar com ética, isenção e profissionalismo tudo o que acontece.

Redes Sociais

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo